terça-feira, 8 de abril de 2008

Biografias - Thuy Trang

Hoje falarei sobre uma excelente atriz, que marcou e muito a infância de muitos de nós: Thuy Trang. Para quem não sabe, ela viveu a Trini, primeira ranger amarela da história de PR.


Thuy nasceu em 14 de Dezembro de 1973, em Saigon, no Vietnã do Sul. Porém, desde pequena teve que enfrentar muitas batalhas pela sua sobrevivência. E sua família também.
O pai era soldado do Exército da República do Vietnã, e estava defendendo a capital Saigon do ataque do Exército Comunista do Norte e dos agentes vietcongues. Porém, eles foram derrotados, e ele teve que deixar o Vietnã do Sul, temendo por sua vida. Decidiu-se, então, se mudar para os Estados Unidos, juntamente com a sua família, mas, para isso, trabalhou pesado para que pudesse entrar em contacto com os oficiais do governo americano, para que este pressionasse o governo comunista do Vietnã (e liberasse a sua ida para lá). Em 1975, o resto da família dele, composta pela mulher e mais quatro filhos (Thuy, uma irmã e dois irmãos), foram forçados a saírem de Saigon e, em 1979, embarcaram secretamente em um navio cargueiro, juntamente com outros exilados do país, com destino a Hong Kong, com o objetivo posterior de chegar aos Estados Unidos. Thuy quase não sobreviveu à viagem, já que, na altura, estava muito doente. Ao chegarem a Hong Kong, o pai dela foi contactado, e, assim, ele pediu um asilo político para a sua família nos EUA. Depois de uma ano vivendo no campo de detenção em HK, a família foi finalmente reunida, em 1980, na Califórnia. Porém, essa reunião durou pouco, já que o pai dela morreu de câncer, em 1982.
Desde pequena, Thuy já parecia adivinhar o destino que a aguardava em PR: aos nove anos, ela já treinava Kung Fu. Ela graduou-se na Banning High School e conseguiu uma bolsa de estudos para estudar Engenharia Civil, na Universidade da Califórnia, em Irvine. Desta maneira, ela acabaria seguindo os passos do pai e de seus irmãos mais velhos. Porém, por volta de 1992, ela foi encontrada por um caçador de talentos e sua vida acabaria tomando outros rumos.


Começando com pequenos papéis em comerciais, ela logo ganharia destaque em 1993, com Power Rangers. Originalmente, o papel de Trini seria interpretado por outra atriz, que inclusive gravou o episódio piloto. Mas ela acabaria por desistir, fazendo com que Thuy brilhasse como a ranger amarela.



Durante a segunda temporada de Mighty Morphin Power Rangers, ela e os companheiros de trabalho Austin St. John (Jason) e Walter Emanuel Jones(Zack), abandonaram a série, por motivos salariais. Isso fez com que a Saban ficasse com um pepino nas mãos, já que eles não gravaram as suas saídas do show. Assim, muitos efeitos tiveram que ser usados, como a utilização de cenas já gravadas, dublês e dublagem, para que os fãs não percebessem a mudança, resultando, posteriormente, na entrada definitiva de Steve Cardenas (Rocky), Johnny Yong Bosch (Adam) e Karan Ashley (Aisha), em "The Power Transfer", como os seus substitutos.


Depois de interpretar Trini, Thuy participou do filme "The Crow: City of Angels" ("O Corvo: Cidade dos Anjos"), em 1996, como Kali, uma das vilãs principais da trama.

Em 3 de Setembro de 2001, porém, uma tragédia se abateu sobre a sua família: Thuy morreu, aos 27 anos, vítima de um acidente de carro, em uma estrada situada entre São Francisco e Los Angeles (Estados Unidos). David Yost (Billy) e Amy Jo Johnson (Kimberly), do elenco de Power Rangers, foram em seu funeral. Apesar de não estar mais em PR nessa altura, a Saban dedicou um episódio de Time Force em sua homenagem - "Circuit Unsure".

Vejam uma reportagem (em inglês) acerca de sua morte no Youtube:

Apesar de termos perdido uma mulher que foi um ícone para muitas gerações (como a minha), acredito que ela viverá para sempre nas nossas memórias, como a já saudosa Trini, de MMPR.

7 comentários:

Anônimo disse...

Sim, provavelmente por isso e

Mauro Jr disse...

Eu comecei a gostar de asiáticas por causa dela. Hoje, 21 de setembro de 2010, coicidentemente, no dia do meu aniversário, descobri que ela já ta morta há nove anos. Que merda. Jurava que ainda fazia filmes ou seriados. Que droga mesmo. Tenho o jogo de super nintendo Might Morphing Power Rangers... ela tá no jogo, toda bunitinha de amarelinha...
Bom, fazer o que...
Obrigado pela postagem.
Abraço...

maykon disse...

Nossa Adoroo essa mulher de mais s]ella sempre será e vai ser a melhor ranger amarela de todos os tempos ..não por ser a primeira mais sim por ser unica!!!

Thuy Trang Te Amo!!!

apesar de ter morrido no dia do meu aniversário !

todo o MEU RESPEITO !

fontes2 disse...

nossa depois de 9 anos agora q fikei sabendo, deu até um aperto no coração ... merece todo meu respeito... ela foi e sempre sera um icone da geração power rangers.... descanse em paz!!!

Anônimo disse...

Hoje que eu vi que ela morreu depois de 9 anos! Bom, com certeza ela fara muita falta, sentirei muitas saudades, gostaria muito de te-la conhecido, mas... bom ela tera um lugar especial guardados nos corações dos "fãs" do Power Ranger! Ela foi a melhor Ranger amarela, tenho q concordar, ela foi um icone q as Ranger deveriam seguir!Sentirei saudades!

Angela disse...

...nossaaaaa depois q ela saiu eu não assistia direito os outros power ranger...eu adorava assistir por causa dela...qdo se é criança a gente sonha,acha tudo real...mas mesmo o povo tirando sarro dos power ranger, eu amo e adoro lembrar o aprendizado q se passava em cada capitulo...que D-us esteja sempre com ela...mesmo q ela já tenha reencarnado rsss faz tantos anossss....saudades daquele tempo

Anônimo disse...

Vi que estão reprisando na Band os P.R. E resolvi pesquisar por onde andavam eles. Só descobri hoje que ela morreu. Uma pena mesmo.